Archive for outubro \02\UTC 2008

o que eu ainda preciso ver com os meus proprios olhos

outubro 2, 2008

eu nao sei. mas eu preciso.

e aboli os acentos e qualquer correcao aqui por tempo inderteminado. em tempos de guerra medidas drasticas sao necessarias. a confusao mental, minha gente ta foda. cada manha eu acordo e lembro de um sonho mais bizarro que o da noite anterior. e cada um que me aparece. parece que ta rolando um festival nostalgia na minha cabeca. mas a nostalgia ta mais pra assombracao que qualquer coisa.

preciso tomar um ar. outro capuccino. e fazer uma musica no meu stylophone que eu esqueci na casa do etienne. to pegando a bmx e vou la. vou deixar voce, laptop do capeta e as criaturas do outro mundo pq por hoje ja deu.

há tempos

outubro 2, 2008

não venho aqui. há tempos não tenho tempo. há 3 fucking meses eu não tenho internet (é uma missão para pessoas dotadas da qualidade do sangue frio, o que não é o meu caso, eu to brigando com a porra da companhia faz 2 meses já, e não adianta mudar, as gravações da mulher fanha são as mesmas). eu ando frustrada, dura, irritada. especialmente hoje. eu me irrito e viro uma vaca, e depois fico me arrependendo, pensando que eu to fazendo picadinho do meu casamento. mas não. ele e grande e os pedacinho que eu as vezes arrancam crescem de novo num bom fim de semana. mas hoje, definitivamente, nao e um bom dia. hoje, definitivamente eu quero fazer qualquer outra coisa mas hoje, eu tenho que fazer acontecer o que nao tem acontecido comigo. a questao e que depois disso existe um nada tipo o nada do historia sem fim.

eu preciso de um capuccino.